INTRODUÇÃO AO YOGA SUTRA DE PATANJALI

Patanjali foi um grande sábio erudito que deixou muitos ensinamentos sobre yoga, gramática do sânscrito e ayurveda. Acredita-se que ele era uma encarnação Divina que viveu no inicio do primeiro milênio na Índia. Sutra significa “fio”  e o termo também é utilizado para descrever um gênero literário cujo intuito é compactar ao máximo de informação e profundidade em poucas palavras.

Como é um texto objetivo e profundo, o termo yoga-sutra é muito cabível! Existe uma teoria que Patanjali coordenou o pensamento “yoguico” e explicou para seus alunos,  na medida que o assunto se desenvolvia, os alunos faziam as anotações resumidas utilizando apenas algumas palavras que futuramente reunidas se tornaram os Sutras de Patanjali que temos hoje.

O livro é dividido em quatro capítulos:

1º Samadhi-Pada (A iluminação)

Este capitulo define o que vem a ser yoga, sua meta e suas principais características; no desenvolver dos aforismos também é colocado as dificuldades encontradas no caminho e as diferentes formas de iluminação.

Sutra escolhido:    verso 2 

           Yogas  ccita-vrtti-nirodhah verso 2

Yoga significa controlar as flutuações da mente.

 2º Sadhana-Pada (A prática)

O autor coloca as qualidades necessárias para haver a transformação mental e elevar a consciência. Patanjali organiza o yoga abordando o processo espiritual num desenvolvimento de 8 etapas que culmina na meta ultima do espiritualista, a iluminação ou transe (samadhi).

Sutra escolhido:    Verso 29 

       yama-nyama-asana-pranayama-pratyahara-dharana-dhyana-samadhayo’astav angani

Os oito componentes do yoga são: autocontrole, observâncias, posturas físicas controle da respiração, retração dos sentidos, concentração, meditação e transe.

 

3º Vibhuti-Pada  (Os poderes)

Neste capitulo Patanjali descreve a capacidade da mente de controlar as flutuações mentais e ainda ir além; adquirir poderes sobrenaturais. Poderes esses, que se iniciam a partir das três últimas etapas do processo de ashtanga (oito etapas). Dharana é a concentração, dhyana a meditação e Samadhi a iluminação. Um ponto importante nesse capitulo é o conselho que o autor da aos praticantes para não se abster nos poderes psíquicos e focar o que é essencial, a união com o Supremo.

Sutra escolhido:   Verso 4  

    trayam ekatra samyamah

Estes três  (concentração, meditação e transe) focados em um único ponto constituem a perfeita disciplina.

 4º Kaivalya-Pada (A perfeita união)

Aqui Patanjali apresenta as possibilidades para o praticante que tenha alcançado com êxito o resultado do processo, esclarecendo que a mente é um subproduto e não o essencial, e uma vez que tenha essa realização, a possibilidades de sofrimento é mínima devido ao controle mental e realização de que existe algo superior, Ishvara (Controlador Supremo).

Sutra escolhido:  verso 34

Purusa-artha-sunyanam gunanam pratiprasavah kaivalyam swarupa-pratistha va citi-saktir itir it

Liberação é reverter o fluxo das coisas matérias, as quais não têm sentido para o espírito; é também o poder da consciência no estado de identificação verdadeira.

O yoga sutra foi tão importante para a evolução e entendimento da espiritualidade, que mesmo sendo um sastra (escritura) de volume inferior a muitos outros, ainda sim teve a força de gerar um darsana exclusivo com o nome de Yoga. Ou seja, entre as seis principais linhas ortodoxas na India, o Yoga de Patanjali está entre as mais importantes junto com o Vedanta e Sankhya.   Om Shant…

                                                                                             Junior (Jay Gauranga)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s